quinta-feira, 15 de março de 2012

A Bíblia e o Guiness Book

 MOMENTO MISSIONÁRIO N° 1

A Bíblia é o livro mais vendido no mundo, desde que foi impressa por João Gutemberg.

A Bíblia superou todas as expectativas de distribuição. Está traduzida, toda ou em parte, em 2.212 línguas. Atualmente, 685 projetos de tradução estão sendo realizadas. Em segundo lugar, está o Guiness Book (O livro dos recordes), que já vendeu 75 milhões de exemplares, em 37 línguas, até 1994.

É interessante a relação entre esses dois livros. O Guiness relaciona e destaca os feitos humanos e suas superações. Nele, podemos encontrar o homem mais alto do mundo, o maior equilibrista, o homem que conseguiu permanecer numa banheira com maior quantidade de serpentes vivas, o homem que conseguiu escalar a maior das montanhas, a mulher que possui o cabelo mais longo, o pára-quedista que chegou mais próximo do solo sem abrir o pára-quedas, etc.

A Bíblia, por outro lado, também possui os seus heróis. O presidiário que se transformou em primeiro ministro (José do Egito); o homem que fez milagres, usando um cajado, transformando-o em serpente , abrindo o mar vermelho ao meio, fazendo jorrar água de uma rocha (Moisés); o homem que liderou a queda de uma muralha de uma cidade poderosa, com o som de trombetas e gritos, e que em outra oportunidade, fez que o sol parasse, durante uma batalha (Josué); o homem que matou um leão com as mãos e que, na hora da morte, derrubou um enorme templo (Sansão); o homem que derrubou um gigante com apenas uma pedrada (Davi); o homem que fez outro viver depois de morto (Eliseu). E se fôssemos falar do homem que dormiu uma noite com leões famintos (Daniel)? Se fôssemos falar daqueles que, com louvores, provocaram um terremoto e abriram uma prisão (Paulo e Silas)?

Interessante é notar que nenhum personagem bíblico recebeu qualquer prêmio por seus feitos. É aí que está a grande diferença: a Bíblia não foi escrita para exaltar homens; ela foi escrita para glorificar e exaltar a Deus.

Na Bíblia, os homens e as mulheres jamais fizeram algo por si mesmo, mas o fizeram pelo poder de Deus. Na Bíblia, os homens e as mulheres tinham consciência de que não estavam servindo a Deus motivado pela fama; eles sabiam que tudo que conseguiram realizar foi pela fé e pela força sobrenatural de Deus.

Se você, estudante, deseja transforma-se em manchete mundial, é só escolher alguma coisa maluca para fazer, e, depois de feito, registrar no Guiness. Mas, se quer apenas ser reconhecido, revista-se de humildade, amor, fé, oração, bondade, felicidade, palavra de Deus e pronto: seu destino será o Paraíso Eterno.

“Mas, atenção: há muita gente achando que existe um’’ Guiness Espiritual”: é crente que quer ser aplaudido pelos homens, com base nas ‘’virtudes espirituais” ou com base na’’ação altruísta” que tem apresentado na Igreja. Tenha cuidado, estudante, não queira recompensa de homens! Sua coroa será dada por Jesus Cristo, em sua segunda vinda. Esqueça o Guiness! Suas atitudes estão gravadas no livro da vida.

Um comentário:

Pr Carlos Iap.BA disse...
Este comentário foi removido pelo autor.